Saúde - Junta de Freguesia de Delães - Vila Nova de Famalicão

Saúde

Antecipação 2.ª dose da AstraZeneca

Antecipação 2.ª dose da AstraZeneca

 

O Governo acelerou o processo de antecipação da tomada da segunda dose da vacina da AstraZeneca (Vaxzevria).

Assim, os utentes que foram vacinados com a primeira dose da vacina da AstraZeneca, devem tomar a segunda dose da seguinte forma:

  • Os utentes que tomaram a 1.ª dose da vacina da AstraZeneca até 25 de abril devem tomar a 2.ª dose na semana de 28 de junho a 4 de julho.
  • Os utentes que tomaram a 1.ª dose da vacina da AstraZeneca de 26 de abril a 16 de maio devem tomar a 2.ª dose na semana de 5 a 11 de julho.
  • Os utentes que tomaram a 1.ª dose da vacina da AstraZeneca após 17 a 23 de maio devem tomar a 2.ª dose a partir de 12 de julho.


Os utentes devem apresentar-se no Centro de Vacinação Covid-19 (CVC) onde tomaram a primeira dose. Consulte o horário de funcionamento do seu CVC em: https://covid19.min-saude.pt/vacinacao-covid/

IPST agradece aos dadores. «Dê Sangue e mantenha o mundo a pulsar».

IPST agradece aos dadores. «Dê Sangue e mantenha o mundo a pulsar».

 
O Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) assinala hoje, dia 14 de junho, o Dia Mundial do Dador de Sangue, agradecendo a todos aqueles que com este gesto solidário ajudam a salvar vidas.
 
Em 2021, o slogan para o Dia Mundial do Dador de Sangue é: «Dê Sangue e mantenha o mundo a pulsar» e reforça um pedido global para que mais pessoas em todo o mundo deem sangue e contribuam para melhorar o estado de saúde daqueles que precisam da administração de componentes sanguíneos e derivados do plasma.
 
Reforçamos também o nosso obrigado!

Vacinação Covid: novas orientações e agendamento

Vacinação Covid: novas orientações e agendamento

A Direção-Geral da Saúde atualizou ontem, dia 21 de abril, a norma da vacinação contra a COVID-19, de forma a adaptar a estratégia a um cenário de maior disponibilidade de doses de vacinas.

Concluída a primeira fase deste plano, a norma passa a estabelecer apenas mais uma fase (fase 2), que define duas estratégias distintas: a vacinação por faixas etárias decrescentes, até aos 16 anos, e de pessoas com 16 ou mais anos e que tenham doenças com risco acrescido de COVID-19 grave ou morte.

Entre as doenças incluídas para a fase 2 estão a diabetes, obesidade grave (IMC = 35kg/m2), doença oncológica ativa, pessoas em situação de transplantação e imunossupressão, doenças neurológicas graves (como as doenças neuromusculares) e as doenças mentais.

As pessoas que recuperaram de infeção por SARS-CoV-2 há pelo menos seis meses podem ser vacinadas contra a COVID-19 nesta fase, de acordo com o grupo prioritário ou a faixa etária a que pertencem. A vacinação será feita com apenas uma dose, independentemente da vacina, e apenas quando for iniciada a vacinação das pessoas com menos de 60 anos.

A norma refere adicionalmente quais os métodos de agendamento e convocatória para vacinação, quer as pessoas sejam ou não seguidas pelo Serviço Nacional de Saúde.

O Plano de Vacinação é dinâmico, evolutivo e adaptável à evolução do conhecimento científico e à calendarização da chegada a Portugal das diferentes vacinas contra a COVID-19. Os objetivos são salvar vidas, através da redução da mortalidade e dos internamentos por COVID-19 e da redução dos surtos, sobretudo nas populações mais vulneráveis, e preservar a resiliência do sistema de saúde e do sistema de resposta à pandemia e do Estado.

Consulte a norma aqui.

Adicionalmente foi lançado pelo Ministério da Saúde o site para o pedido de agendamento para esta segunda fase da Vacina COVID-19.

Se tem mais de 65 anos e ainda não foi vacinado aceda e faça o agendamento aqui:

https://covid19.min-saude.pt/pedido-de-agendamento/

(fonte: https://covid19.min-saude.pt e https://www.dgs.pt)

Top